Podologia
O que é podologia?
História
Exercer podologia?
Risco do fenol
C.B.O.
Uso de luvas
Esterilização
Resíduos podólogico
Termos técnicos
Calçados
Ferida
Empresas Podologia
Postura Profissional
O que é hanseníase?
Onicogrifose
Laserterapia na Podologia
TCC

  Podopatias
Psoriase
Bicho-do-pé
Bolhas
Calos
Correção de unha
Disidrose
Micose de unha
Pé-de-atleta
Pé diabético
Pé infantil
Rachaduras
Unha
Unha encravada
Verrugas
Uso de Fressa
Alta Frequencia

ODORES DOS PÉS



   

Relegado normalmente ao ultimo plano nos cuidados corporais, o pé pode revelar-se uma fonte permanente de odores desagradáveis. Infelizmente as pessoas dão pouco valor a saúde dos pés. 

Não lhes atribuem os cuidados necessários, por acreditarem que estão protegidos e escondidos pelos calçados. FOTO 1

Vamos explicar sobre a bromidrose, o popular “chulé”, odores fétidos dos pés.

Sudorese  (ato de suar) excessivamente sem motivo normal aparente, denomina-se hiperidrose. Se o suor apresentar um odor denomina-se bromidrose.

Hiperidrose e uma transpiração excessiva, isto é, uma produção excessiva de suor pelas glândulas sudoríparas. Entre suas causas estão os estímulos emocionais (hiperidrose emocional) ou uma maior sensibilidade dos centros reguladores de temperatura, pois a sudorese está diretamente ligada ao controle da temperatura corporal. Além disso, algumas doenças metabólicas ou lesões neurológicas também podem dar origem ao quadro.

Hiperidrose Emocional quando a  sudorese (ato de suar) aumenta em situações de desconforto ou tensão emocional, sendo as palmas das mãos e plantas dos pés os locais mais freqüentemente atingidos. O incômodo causado pela sudorese excessiva pode trazer ainda mais tensão ao paciente, piorando seu quadro e trazendo dificuldades de relacionamento ou, até mesmo, profissionais.

Bromidrose: Morte e decomposição de bactérias que alteram a composição química do suor, causando odores fétidos dos pés. Mau cheiro decorre da ação de bactérias que se alimentam do suor e de todo material que se encontra sobre a pele. As bactérias estão presentes na epiderme, a camada superficial da pele.

Os pés contem mais de 250 mil glândulas sudoríparas, estão entre as partes do corpo que mais transpiram. Em um dia, cada pé pode produzir mais de meio litro de suor! Entretanto, a transpiração é basicamente sal e água, de modo que não possui um odor diferente das outras parte do corpo.FOTO 2

Calçados fechados, de borracha ou de plástico e meias sintéticas facilitam a produção de suor e impedem a ventilação dos pés, alimentos, medicamentos, o consumo excessivo de carne vermelha, alho, cebola, certos antibióticos, vitaminas e algumas doenças.  São eliminadas pelo suor. FOTO 3

Para evitar o problema, recomendo as seguintes orientações.

No caso do problema já estar instalado, consulte seu podólogo ou médico dermatologista para fazer o tratamento e orientações.

Reduzir o nível de bactérias realmente é uma questão de limpeza. Para controlar a população de bactérias de seus pés, você deve:

  • Não ande descalço em pisos úmidos (banheiro coletivo, sauna e lava-pés).
  • Não utilize sapato ou tênis sem a meia (pois a meia ajuda a absorver o suor).Evite usar os mesmos calçados todos os dias, usar em dias alternados.
  • Troque as meias diariamente e dê preferência a meias de algodão, pois absorvem melhor o suor. 
  • Após utilizar os calçados, não os guarde em lugares fechados. Deixe os calçados em lugares arejados ou exponha ao sol, pois o calor secará diminuindo as bactérias e os fungos.
  • Utilize um produto antiodor para os pés e calçados. Pode prevenir o odor, mesmo que o problema não apareça, pois isso previne a formação de bactérias nos calçados.
  • Lavar os pés todos os dias, com água morna, escovação na região plantar e dorsal,   com sabonete desodorante ou um antibacteriano e enxugar principalmente entre o vão dos dedos, com muito cuidado.
  • Procure ter o hábito inteligente de conviver o seu bem-estar tendo pés saudáveis. Consulte um Podologista / Podólogo, com certeza o risco de complicações será menor. FOTO 4

Podologista Orlando Madella Jr 


Podólogo Orlando Madella Jr.
Av. Paulista, 807 - Conj. 1012
Fone: (11) 3266-4710



Cadastre seu email.
Receba noticias sobre podologia.




Desenvolvido por Madella - Soluções para Internet